Como baixar a PDD sem esquentar a cabeça

By |2018-10-11T02:58:59+00:00outubro 11th, 2018|blog|0 Comments

É natural que nenhuma empresa queira ver sua PDD aumentar. Por isto, este artigo vai ajudar você a evitar viver ou mesmo reverter esta situação.

Para a maioria dos gestores de cobrança, a PDD (Provisão para Devedores Duvidosos) é um “monstro” que precisa ser domado. Conseguir esta façanha, representa encontrar meios efetivos de reduzir o volume de dívidas ruins.

Acreditamos que você deva estar se questionando: Como a PDD – Provisão de Devedores Duvidosos (popularmente conhecidos como Inadimplentes) serve de alerta de “desastre” no caixa da sua empresa?

O QUE É UMA DÍVIDA RUIM

Antes mesmo de explicar sobre esta provisão é preciso mostrar o que é uma dívida ruim. Para começo de conversa, você pode estar aí achando que toda a dívida é ruim, certo? Errado!

Tem um ditado que diz que “quem deve tem”, ou seja, é bom fazer dívidas na certeza de honrá-las. É maravilhoso ter poder de compra. Sendo assim, gerar uma dívida, na maioria dos casos, se constitui em um novo bem, algo que agrega valor, que melhora o status.

Quando suas equipes de vendas fazem sua melhor abordagem, não têm uma bola de cristal para saber se estão gerando um ótimo negócio ou uma péssima dívida.

E ela tira a tranquilidade tanto das pessoas jurídicas, quanto das pessoas físicas. Isto porque, se por um lado as empresas precisam convencer milhões de brasileiros a quitarem suas dívidas, por outro, vale lembrar que estes inadimplentes são também consumidores. Portanto, além do esforço para baixar a PDD é desejável saber manter o cliente satisfeito, para que ele queira voltar a consumir seu produto ou serviço quando recuperar seu poder de compra. É de suma importância manter a fidelização do consumidor com a sua marca.

Dados do Serasa apontam para um fator determinante na adoção de empresas digitais de recuperação de crédito: 18% das pessoas que quitaram suas dívidas afirmaram ter sofrido constrangimento no ato da cobrança por operadores.

Por isso, o maior valor que o mundo digital pode gerar é o fortalecimento da fidelidade entre o consumidor e sua marca. Honestamente? Considere a inadimplência como uma oportunidade para fortalecer o vínculo com seu consumidor. Afinal, a paixão só aumenta quando se é bem cuidado.

ALTAS PROVISÕES

Sem querer detalhar os métodos contábeis, até porque não é este o nosso propósito, o fato é que nem sempre é possível controlar as dívidas incobráveis, mas sempre se pode evitar que elas prejudiquem o negócio, criando uma menor incidência.

Se vender lhe custa (CPV), cobrar também! Imagine que a condição sine-qua-non de cada protesto é enviar uma carta com aviso de recebimento, mais um boleto.  Somados os custos de emissão, meu caro, como fechar a conta?

De fato. A PDD pode evitar que seu fluxo de caixa entre em colapso, o que exige um monitoramento full time do equilíbrio na relação entre pagamento e recebimento, porque a empresa precisa de capital de giro para financiar a inadimplência em meio a outras operações.

COMO BAIXAR A PDD

A boa notícia é que dívidas de todos os tipos, a despeito de sua origem, são passíveis de renegociação. Ocorre que algumas empresas ainda o fazem de modo arcaico e burocrático, queimando a “largada” numa importante corrida pela recuperação de crédito.

Se o comportamento do consumidor presume interagir nas redes sociais com independência e autonomia, comparar produtos e serviços online e até comprar pela internet, não faz sentido que na hora em que ele entra no estágio de inadimplência (que, admitamos, pode fazer parte do ciclo da vida de qualquer um) não consiga encontrar as mesmas facilidades, faz?

A oferta de canais de autoatendimento online, em tempo integral e através de qualquer dispositivo, aumenta significativamente as chances de estes consumidores renegociarem suas dívidas, reduzindo com isto a PDD.

Canais de Cobrança Digital vêm satisfazer os anseios daquele que deseja continuar empoderado pela tecnologia ainda que esteja devedor.

Para se ter uma ideia do quanto é importante poder estar no controle da sua situação para resolver de forma fácil, simples e rápida um problema, a categoria “autosserviço e transações digitais” movimentou nada menos do que 1,92 bilhão de reais em 2017 e deve receber um incremento estimado em 500 milhões em 2018.

Ter um bom sistema de cobrança digital, decididamente não é superlotar as caixas-postais com e-mails de cobrança, enviar SMS, nem tampouco chamá-las via WhatsApp, mas sim, reunir um conjunto de serviços relevantes que dê à pessoa com inadimplência, a paz que ela precisa para colocar as contas em dia, com autonomia e flexibilidade.

Não resta dúvida de que deixar de usar soluções digitais de verdade (falo “de verdade” porque superlotar caixas postais e mandar SMS não é solução digital) é deixar o dinheiro fora da mesa.

O QUE UM SERVIÇO DE COBRANÇA DIGITAL PRECISA TER PARA TORNA-SE UM PODEROSO ALIADO NA REDUÇÃO DA PDD:

  • Transparência – Acesso a dashboards com resultados em tempo real;
  • Expertise – Especialistas em negócios digitais devem definir estratégias e executar ações, desde a localização do cliente até à consolidação dos pagamentos;
  • Aderência – Integração de sistemas com alto nível de confiabilidade nas transações;
  • Automação – Inteligência Artificial usada em substituição às tarefas humanas repetitivas. Com isso, os gestores de cobrança terão mais tempo para monitorar os resultados e se dedicar ao negócio propriamente dito.
  • Tranquilidade – por fim, tudo isso (junto) deve ser capaz de recolocar seu dinheiro de volta sobre a mesa, sem o prejuízo das suas relações de consumo

Posts Relacionados

Churn: você não deveria se preocupar com isso O churn – ou rotatividade de clientes – é, seguramente, a terrível ameaça que persegue e rouba a tranquilidade das empresas e cuja solução pode estar ...
9 mitos sobre a cobrança digital A cobrança digital já é uma realidade para mais de 168 milhões de brasileiros. O que a diferencia é ser um serviço capaz de oferecer a possibilidade d...
Cobrança mais simples, vida mais simples Saiba como simplificar ainda mais sua cobrança e, de quebra, seu dia-a-dia O bom gestor de cobrança é aquele capaz de perceber quais são os nov...
Bitnami